Marketing & Publicidade
24 de Julho de 2020

3 públicos que podem garantir o sucesso da sua marca

Quem nasceu antes dos anos 2000 já presenciou grandes mudanças na sociedade, muitas delas sendo resultado da ascensão da tecnologia. O nascimento do rádio, a televisão em preto e branco e em cores, o telefone fixo e o celular, o computador e a maravilhosa internet: o impressionante sinal invisível que me permitiu postar esse texto e que agora te permite lê-lo.
A cada nova mudança da tecnologia, o marketing foi se adaptando, sempre buscando onde estava o poder de influência. Antes, estava nas mãos dos mais velhos - predominantemente homens. Agora, existem três categorias que detêm o poder e assim se tornaram imprescindíveis ao marketing: os jovens, as mulheres e os “cidadãos da internet”.

Vamos começar pelos últimos: Foi Michael Hauben quem cunhou a palavra Netizens (cidadãos da internet) no início da década de 1990. São usuários ávidos da internet que não apenas passeiam pelas páginas e adquirem informações, mas também buscam desenvolvê-la para benefício do mundo em geral.
Os Netizens vão além das fronteiras geográficas e, como se a Internet fosse um grande país democrático, eles buscam o melhor para a sociedade como um todo. Assim, eles difundem informações, avaliam e indicam produtos, espalham testemunhos de suas experiências pessoais e influenciam toda a internet a partir de suas opiniões.

Os jovens sempre foram conhecidos como rebeldes, mas o marketing identificou a raiz dessa rebeldia: os jovens são ousados! Isso quer dizer que eles são corajosos e dispostos a experimentar novos produtos e criar novas tendências. Além disso, podem se tornar grandes defensores, se a experiência for satisfatória para eles.

Bastão-de-selfie, Instagram e a mais nova rede social Tik Tok, todas essas novidades foram primeiramente aceitas pelos jovens antes de se tornarem tendências globais. O bastão-de-selfie já caiu em desuso e o Instagram segue firme e forte, vamos esperar para ver como o Tik Tok se sai a longo prazo.
As mulheres costumam ser as gerentes de compras do lar. De acordo com um levantamento da Consultoria IDados, com base nos números do IBGE, quase metade dos lares brasileiros são chefiados por mulheres. Elas não têm poder de decisão apenas sobre seus produtos pessoais, mas também sobre produtos de limpeza, eletrodomésticos, produtos infanto-juvenis e outros.

Além disso, as mulheres também costumam fazer uma maior pesquisa de preço e qualidade antes de decidir por um produto, levando em conta a opinião de pessoas conhecidas e também exercendo influência nas compras dessas pessoas.
Essas três categorias podem se tornar suas grandes aliadas na hora de inserir sua marca no Mercado e mantê-la em evidência no meio de tantas outras. Conquistar o coração dos jovens, das mulheres e dos “cidadãos da internet” pode garantir o seu sucesso - e ignorá-los no planejamento de marketing pode garantir o seu fracasso.
Compartilhar
Travessa Portugal, 164
Piracicaba
contato@manduvimarketing.com.br